La La Land: É hora de parar de sonhar!

Essa semana assisti “La La Land: Cantando Estações”, um dos filmes mais comentados do ano, que venceu vários prêmios em festivais, como as 7 estatuetas do Globo de Ouro; e que recentemente acaba de ser indicado em 14 categorias do Oscar, empatando com “Titanic” (1997) e “A Malvada” (1950) como filmes com maiores indicações.

“O filme consegue trazer uma lição muito valiosa sobre gerenciamento de carreira.”

Mia (Emma Stone) e Sebastian (Ryan Goslin) são duas pessoas com suas próprias ambições: ela quer se consagrar  como atriz de sucesso e ele almeja ter seu próprio estúdio de jazz.

Apesar do enredo ser romântico, o filme aborda muito a questão de seguir os nossos sonhos, fazer o que amamos e não desistir disso mesmo que as circunstâncias se mostrem contrárias. Bem clichê – verdade.

No entanto, o filme nos faz refletir sobre carreira de uma forma bem interessante. Até que ponto vale à pena ficar tentando algo? Qual o limite para suportar o fracasso na carreira? Será que chega um momento em que é hora de parar de sonhar?

O brilho nos olhos

Ambos os personagens do filme possuem o brilho nos olhos ao compartilhar seus sonhos com outras pessoas. Porém em alguns momentos eles tendem a mudar de rumo e acabar desistindo daquele objetivo pelo qual dedicaram parte de suas vidas.

“Às vezes o sonho nem foi embora, só estamos cansados da jornada árdua e dos fracassos acumulados.”

Já me encontrei em situações semelhantes onde parece que estamos dando murro em ponta de faca. Ao invés de progredir, me percebo empacado ou regredindo. E isso é bem desestimulante – profissionalmente falando. Às vezes o sonho nem foi embora, só estamos cansados da jornada árdua e dos fracassos acumulados.

O soco da vida

Dizem que a vida está aí para nos acordar sempre que sonhamos demais.

Não sei se concordo muito com isso, mas admito que às vezes rola um “plot twist” inesperado que mexe com a gente. Por isso, ter alguém que nos apoie e nos faça pensar racionalmente sobre as coisas é imprescindível.

No filme um encontra no outro a motivação para continuar tentando atingir os sonhos. Quem você tem na vida para te chacoalhar de vez em quando e mostrar a realidade – seja ela boa ou não?

A decisão de mudar

E no decorrer dessa jornada rumo ao sonho, temos que tomar decisões difíceis nos fazendo ter que abdicar de coisas que também são importantes para nós. Nossa reflexão deve ser: esse meu sonho vale todo esse esforço? Mudar minha forma de agir vai me ajudar a conseguir o que quero?

“Deixar de sonhar é se conformar com a realidade, independente de ser boa ou não; é entrar na zona de conforto que a vida nos empurra, e eu não acho isso bom.”

Um dos grandes aprendizados do filme que levo é que nem sempre as coisas vão acontecer da forma que imaginávamos, e que sempre vamos ter que abrir mão de algumas coisas para conseguir outras. Penso que o sonho é o que nos motiva a sempre superar nossos limites. Deixar de sonhar é se conformar com a realidade, independente de ser boa ou não; é entrar na zona de conforto que a vida nos empurra, e eu não acho isso bom.

Não vou contar spoilers do filme, mas não deixem de conferir essa obra-prima nos cinemas.

Se você já assistiu, comenta aí um dos aprendizados que você tirou dele. Se não assistiu, comenta o que você acha dessa questão sobre correr atrás dos sonhos e a realidade ficar nos impedindo. 😉

5 comentários em “La La Land: É hora de parar de sonhar!

Adicione o seu

  1. Mais do que sonhos, o filme mostra o poder das escolhas, e ainda brinca com a ilusão de poder voltar e escolher diferente o que teria mudado.

    Muitas vezes na vida de um empreendedor tomamos algumas decisões que lá na frente pode não ter sido a melhor, mas foram necessárias dadas as circunstâncias, assim como no filme!

    Curtir

Deixe uma resposta para Jorge Wanderley Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: