“Lanterna Verde” – Vontade X Medo

Na última sexta-feira (19/08), o filme “Lanterna Verde” estrelado por Ryan Reynolds estreou em todos os cinemas brasileiros. E eu, como super fã dos filmes de super-heróis, fui conferir mais uma produção do mundo das HQs. Apesar de todas as críticas ao filme pelo mundo inteiro, podemos tirar algumas lições.

Baseado em dois sentimentos que encontramos diariamente em nossas carreiras, a trama central de “Lanterna Verde” ocorre em torno da vontade e do medo. Para os que não conhecem a história do Lanterna, a força que move a Tropa dos Lanternas Verdes (a energia que vai para os anéis deles) é a vontade; e a força que eles decidiram não utilizar por causar danos aos seres, é o medo, a força que, curiosamente, o vilão detém.

No decorrer da nossa jornada profissional sentimos vontade de fazer inúmeras coisas. São oportunidades que surgem, desafios que induzem ao desenvolvimento de nossas habilidades e diversas barreiras que nos separam do nosso objetivo maior, a auto realização. Não importa a idade, o sexo ou a sua cultura, a vontade está dentro de nós e diretamente ligada o cumprimento das nossas metas pessoais e profissionais.

Tenho vontade de me formar em Administração, vontade de assistir a um espetáculo na Brodway, vontade de fazer intercâmbio na Austrália, vontade de comprar um carro. Enfim, todos temos vontade de alguma coisa. E é a vontade, um dos principais motivadores para atingirmos nossos objetivos. Daí a famosa expressão: força de vontade.

Apesar desse sentimento estar em nós, existe um outro que muitas vezes nos impede de seguir em frente nas nossas decisões e atividades. O medo de falhar, de não corresponder às expectativas e até de perder uma oportunidade, são fatores que atormentam muitas pessoas. E esse sentimento pode acabar prejudicando, e muito, a sua carreira profissional.

E nós? A geração Y? Como ficamos? Possuímos muita força de vontade. Fazer a diferença e desafiar nossos limites são algumas das coisas que mais nos motivam a seguir adiante. Mas e o medo? Somos imunes a esse monstro que apavora a vida de muitos? Lógico que não!

A vontade é uma das características mais marcantes da nossa geração.Fazer o que nos motiva e o que gostamos é algo natural no nosso meio. Entretanto, apesar de toda essa força de vontade, estamos tão propensos a ter medo quanto nossos pais ou avós.

Estamos no século XXI, onde tudo é muito rápido é muito novo. E é nesse cenário de mudança constante que estamos colocando à prova os nossos medos. Na época em que a geração X e os baby boomers eram jovens como nós, o medo era mais retraído. Eles percebiam que podiam driblar esse sentimento e seguir suas vidas adaptando-se à ele. Mas hoje, percebemos que por mais que tentemos colocar os nossos medos debaixo do tapete, eles nos impedirão de conseguir realizar os nossos maiores sonhos e de crescer profissionalmente.

O mundo atual e a nossa força de vontade transformaram a forma de vermos o medo. Ao passarmos por uma situação em que temos a chance de crescer e ir adiante na nossa jornada profissional, colocamos de lado os nossos maiores medos e lutamos até conseguir dominá-lo. Sabemos o que temos a perder e o que temos a ganhar com essa atitude, perspectiva que muitos dos nossos pais e avós não tiveram. Conseguimos ver o mundo com outros olhos, onde errar faz parte do crescimento e deixar o medo vencer custa muito caro.

Depois de todo esse texto você deve estar se perguntando: “E aí? Como faço para não ter medo?”. Tenho uma péssima notícia pra você: Não há como deixarmos de ter medo. No entanto, existe uma forma de inibi-lo. E quem dá a resposta é o grande pensador Mark Twain:

“Coragem é a resistência ao medo, domínio do medo, e não a ausência do medo.”

Então pessoal, coragem é a solução. Resposta essa que o Lanterna Verde descobre no decorrer do filme.

Espero que tenham gostado do texto. O final de semana está chegando, e como foi dito no outro post: Todos precisam de um descanso. Convido vocês a assistirem o filme “Lanterna Verde”, que apesar de todos os comentários, eu gostei (pelo menos a versão 3D era muito legal). Se quiserem outras sugestões de filmes é só clicar na seção Filmes Y no topo do blog.

A gente se vê na próxima semana! Até mais!

Se você gostou desse post clique em Like, logo aqui em baixo, deixe seu comentário e compartilhe nas suas redes sociais. E para não perder nenhum post, assine nossa newsletter (barra da lateral, logo abaixo da Frase da Semana) e receba uma mensagem no seu email quando houver postagem no Administradores Y.

Anúncios

3 comentários em ““Lanterna Verde” – Vontade X Medo

Adicione o seu

  1. Cheguei ao seu blog por acaso, procurando justamente frases do filme Lanterna Verde que indicassem essa luta entre vontade x medo que o filme mostrou tão maestralmente. Fiquei feliz de saber que alguém mais percebeu a importância do tema no filme. parabéns!

    Curtir

    1. Obrigado Vanessa!
      Apesar das críticas feitas ao filme, eu também curti.
      O importante ao assistirmos os filmes vai muito além do entretenimento. A lição que fica por trás da história é que deve ser compreendida e levada adiante.
      Abraço e muito obrigado pela visita e pelo comentário! 😀

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: