Como desenhei um processo de seleção para minha empresa

Saber escolher bem as pessoas que vão trabalhar com você é uma habilidade extremamente necessária para todo empreendedor. De nada adianta você ter diversas ideias inovadoras para a empresa, se você não sabe como montar um bom time para executar tudo isso.

Há uns 2 anos atrás eu estava precisando contratar um estagiário de Marketing & Comunicação para minha empresa. E como um grande admirador da área de Gestão de Pessoas, fui seguir as orientações para poder desenhar um processo que me ajudasse na escolha final de contratação.

Pensando no Perfil do Candidato

Antes de pensar nas etapas do processo seletivo de qualquer vaga, a gente precisa pensar em que tipo de candidato estamos procurando.

O ideal é sempre buscar alguém alinhado com os valores da empresa, com estilo de trabalho adotado e com vontade de trabalhar no seu negócio (meio óbvio essa última parte né). E digo isso, porque existem muitas pessoas que simplesmente deixam essa parte de lado e já vão divulgando a vaga com as informações de salário, benefícios e etc.

No Tot, sentei com minha sócia e pensamos bem qual o tipo de pessoas que queríamos trabalhando conosco. E isso vale não só para o perfil pessoal do candidato, mas o perfil profissional também – competências e habilidades necessárias para a função que ele fosse ocupar.

Como a área era Marketing & Comunicação, queríamos uma pessoa criativa, empreendedora, proativa, comunicativa e que conseguisse trabalhar bem em equipe. E a partir dessas características foi que desenhamos o processo seletivo.

Desenhando o Processo Seletivo

Tendo levantado o perfil, partimos para pensar no processo seletivo. Cada etapa precisa ser adequada à análise das características desejadas no candidato.

Ao invés de fazer uma simples “Análise de Currículo + Entrevista”, incrementamos mais para podermos conhecer melhor o desempenho dos candidatos e ter uma visão mais crítica para decidirmos.

1ª Etapa: Currículo + Pergunta

Para iniciar a seleção precisávamos filtrar os candidatos de acordo com as suas habilidades e competências para prosseguirmos com as avaliações.

Apesar de não termos definido uma área profissional específica, precisávamos de uma pessoa com algum tipo de conexão com a área que buscávamos.

Junto a isso, pensamos em já colocar algo a mais para ajudar a filtrar melhor os currículos. Decidimos pedir para os candidatos responderem a uma pergunta em formato de texto ou vídeo: “Somos uma empresa diferente. O que você também tem de diferente?”.

O objetivo dessa etapa era analisar tanto as habilidades do candidato, como a capacidade criativa dele respondendo a pergunta. E recebemos mais de 70 currículos com respostas incríveis. Fiquei bastante surpreso com o nível de envolvimento dos candidatos e com a criatividade deles.

2ª Etapa: Dinâmica em Grupo

No segundo filtro, selecionamos 16 candidatos para podermos conhecer melhor e analisar outras questões importantes para o cargo: trabalho em equipe, liderança, comunicação, criatividade, inovação e perfil empreendedor (acredite se quiser, deu pra analisar tudo isso em 1 única dinâmica).

A dinâmica que criamos consistia em dividirmos os candidatos em 4 grupos iguais e cada grupo retirava 2 palavras de cumbucas diferentes. Em uma cumbuca tinham papéis com animais e na outra papéis com objetos. O desafio era para cada grupo criar uma ideia de negócio contendo o animal e o objeto sorteados. No fim, cada grupo deveria apresentar para os outros grupos com todos os integrantes tendo tempo de fala.

Foi visível quem se destacou como líder em cada grupo, quem dava ouvido para opiniões dos outros, quem contribuiu com ideias, quem era mais articulado para falar.

E para analisar os projetos, convidamos um cliente nosso para participar juntamente com minha sócia. A ideia era ter uma visão externa dos candidatos e de uma pessoa que iria acabar tendo contato com o profissional posteriormente em seu dia-a-dia recebendo o serviço.

3ª Etapa: Entrevista

Por fim, escolhemos 4 candidatos para prosseguir para a última etapa, um bate-papo conosco para conhecermos melhor eles.

A ideia dessa etapa era analisarmos melhor a capacidade de comunicação, as aspirações futuras para a carreira e vida pessoal, e as motivações pela vaga no Tot.

Depois de tantas análises, confesso que ainda ficamos em dúvida entre 2 candidatos. Cada um tinha suas qualidades individuais que se sobressaiam ao outro, mas analisando toda a trajetória ao longo do processo seletivo conseguimos tomar uma decisão segura sobre a pessoa ideal para a vaga.

O que aprendemos com isso tudo?

Com todo esse processo, é absolutamente indiscutível que toda empresa precise de um processo seletivo para escolher seus profissionais. E mais que isso, todo processo precisa ser adaptado para o tipo de vaga aberta na empresa. E olha que tudo isso que fizemos demorou cerca de 15 dias.

Não adianta querer fazer a mesma coisa para todo mundo, sendo que as habilidades a serem analisadas e o perfil para a vaga são diferentes.

O currículo, por si só, não tem informações suficientes para uma tomada de decisão. Se você quiser ter mais segurança na hora de escolher um novo profissional para sua empresa, você precisará dedicar um tempo a isso. E aconselho você investir tempo nessa hora, do que acabar contratando alguém que vá precisar demitir pouco tempo depois.

Por isso, desenhe bem o processo de seleção e boa sorte na hora de contratar o seu funcionário. 🙂

Confira a minha coluna Empreendedorismo na CBN João Pessoa e meu texto no blog do Vamos Empreender que falei um pouco sobre a importância de fazer uma boa seleção de pessoas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: